I wish I were a Warhol silk screen hanging on the wall. Or little Joe or maybe Lou. I'd love to be them all. All New York's broken hearts and secrets would be mine. I'd put you on a movie reel, and that would be just fine. Ian Curtis
21.6.10

Aqui

link do post Eu e o meu Ego, às 20:43  comentar

20.6.10
old school.png


Revivalismo lixado.

Mas serão a minha companhia para a festa de hoje, onde ficaremos a saber se
alguém vai gostar da prenda que foi adquirida após alguns percalços.
link do post Eu e o meu Ego, às 13:17  ver comentários (5) comentar

Mornin_Bu.jpg

Ela ligou-me no outro dia.

 

Sério? Sim, fomos sair. Fomos até à praia e bebemos café.

 

Como estás?

 

Normal.

 

Sabes que não devias ter ido, mas o que é que um gajo há-de fazer, é mais forte não?

 

Sim.… E sabes, quase que não falamos. Apenas estivemos juntos.

 

 

(Também aqui. onde passarei a colocar também gradualmente)

link do post Eu e o meu Ego, às 12:59  ver comentários (1) comentar

19.6.10

Teste de novas funcionalidades
link do post Eu e o meu Ego, às 21:08  comentar

 

Dantes era aqui e pondero voltar.

 

Dúvidas, dúvidas....

link do post Eu e o meu Ego, às 20:45  comentar

Gostam do The sartorialist? Do Alfaiate Lisboeta?

 

 

Então vejam aqui

link do post Eu e o meu Ego, às 12:13  comentar

 

E vamos lá embora.

link do post Eu e o meu Ego, às 11:23  comentar

18.6.10

 

Mais um exame feito. Lixa-me que sejam à sexta. E na próxima vem mais outro. O que faz que esteja armado em menino e a esta hora além de estar em casa estou demasiado de rastos para fazer seja o que for.

 

Livro, DVD, Livro, DVD...

 

Enquanto não me decido ando pela net a ver se encontro música nova. Sinto falta, e não me apatece recorrer aos meus "clássicos".

link do post Eu e o meu Ego, às 22:22  ver comentários (2) comentar

pretty-lilly.jpg


Porque o Lost não era só uma ilha e os seus enredos (fantásticos), não era só uma mão cheia de personagens assombrosas, não era só mais mistérios por metro quadrado que a areia nessa ilha. Eram também, e principalmente, estas sardas, este rosto com o nariz arrebitado, este cabelo que lhe caía pela cara, estes olhos claros, este sorriso, estas longas pestanas.

Era Evangeline Lilly
link do post Eu e o meu Ego, às 14:19  ver comentários (2) comentar

17.6.10

sun.jpg

Olá, interrompi alguma coisa importante?

 

Não, não te preocupes, diz?

 

Levas-me a passear depois do trabalho pela marginal?

 

(...)

 

Enquanto conduzes posso por a minha cabeça no teu ombro?

 

Deixas-me sem saber o que dizer...

 

Não faz mal. Não quero que digas nada também. Quero que estejas lá.

 

Está bem...

 

Depois bebemos um café na praia. Ficas à minha frente, quero ver-te a fumar com aquele teu tique. E, por favor, ajeita-me o cabelo como tu fazes. Até logo, espero por ti.

 

Está bem...

link do post Eu e o meu Ego, às 16:12  ver comentários (1) comentar

bike to post.png


Agora que as manhãs começam a ficar mais agradáveis gostava de poder vir para o trabalho montando naquela ali em cima. Acho que era bastante cool. Ou seria bastante parvo. Mas não implica que não gostasse.

Certo que um tipo de fato a pedalar para o seu local de labuta é uma coisa inédita por cá - mais que não seja porque Lisboa não é a melhor cidade para isso - mas desde o ano passado quando visitei Amesterdão fiquei com alguma inveja daquela gente.

Lá vinha eu de oculinhos de sol, phones - sempre eles - e fatinho a pedalar todo contente.
link do post Eu e o meu Ego, às 15:31  comentar

gaslight.jpg


A Banda Sonora do dia. Era só. Obrigado.
link do post Eu e o meu Ego, às 15:22  ver comentários (3) comentar

Ainda sobre as.jpg


Mesmo que acabe por não ir a lado nenhum, em Setembro a Europa espera-me e o ano novo será em NYC, há sempre a hipótese de ficar por cá.


Nada me impede de ter a praia da Arrábida como destino nos dias em que me apetecer. Dar um salto até à Comporta. Conversas até altas horas com os amigos de sempre acompanhas de um belo vinho tinto. E música, sempre com uma banda sonora que dará significado a tudo o que se faça.
link do post Eu e o meu Ego, às 14:02  ver comentários (4) comentar

f%E9rias 22.jpg


Assim que souber arrumo as trouxas e lá vou eu.

Como, por agora, é só uma semana começa a chamar por mim o apelo da costa vicentina. Arrifana ou Porto Covo parece-me bem. Sol, praia, Mojitos, festa pela noite dentro e descanso.

Bem, ainda há tempo para decidir.
link do post Eu e o meu Ego, às 12:35  comentar

novo post 22.jpg


Não vejo a hora das férias estarem aí.

Não tenho planos ainda nem sei bem o que quero fazer. Não quero saber e não me interessa. Serão sempre férias.
link do post Eu e o meu Ego, às 12:20  ver comentários (6) comentar

16.6.10

 

Na reunião com a Administração, onde fui conhecer o novo administrador, deveria estar bastante concentrado. Deveria ter dito tiradas que revelariam toda a minha sapiência e, porque também é preciso, todo o meu humor.

 

Mas não.

 

Só consegui ficar focado naquilo que pareciam unhas postiças. Um homem e unhas que não as dele. E porque raio usa ele uma pochete?

link do post Eu e o meu Ego, às 18:21  ver comentários (8) comentar

 

 

And I think it is prety cool

link do post Eu e o meu Ego, às 18:21  comentar

lalala.jpg


1 Como correu, conseguiram dar com a mala para a tua irmã?
2 Nem me digas nada, não é que ele se esqueceu de como era a mala que a irmã queria... (fingir-se enfadonho)
[ela] Mostra lá, sabes que nós gajas gostamos de ver.
3 Não posso, deixei no carro. Mas se quiseres podes lá dar um saltinho... (risos trocistas e piscar de olho)
(risos)
[ela] Bem, vou-me embora...
3 Agora que chegámos?
[ela] Tenho cabeleireiro marcado.
3 Mas a tua amiga pode ficar... (piscar de olho à amiga)
[ela] Sim, claro. (encolher de ombros e olhar de indiferença)
2 Cala-te, não nos envergonhes. Vá, tchau S., vemo-nos no Domingo. Olha, queres o quê, café?
3 Sim... Olha lá, quem era a amiga da S, gira!
1 Sim, bem gira. Diferente dela, não? Acho que é lá da agência também.
3 As miúdas arranjam-se muito bem hoje, um gajo até fica sem jeito, parecemos trambolhos ao pé delas.
1 Fala por ti... (risos)
3 Não, sério. Hoje em dia há-as em dois estilos: as coquetes, todas muito bem arranjadinhas, saltos altos a "mulher bem sucedida", e as que eu denomino Punk-Chic", misturam as coisas, têm um ar de "praia" mas bem vestidinhas e conservam elementos mais underground.
2 Bem, mas ele percebe. Andas é a catar as revistas à tua irmã.
3 Ora, um gajo vê. Vais-me dizer que não vês também?
2 Vejo também, sim, contente. (sorriso conformado)
1 Mas espera, depois há ainda aquelas que não ligam nenhuma e são simplesmente fantásticas. Eu conheço uma assim. A minha namorada, que é simplesmente linda! (sorrisos encavacados). Mas porquê isso hoje?
2 Oh estamos românticos (palmada no ombro do 1), não lhe ligues, ele hoje viu uma colega minha que é gira todos os dias, e arranja-se muito bem. E há pouco quando fomos ver da mala da irmã viu-a novamente mas já normal, já tinha saído do trabalho e devia ter ido a casa, porque estava com calças de ganga normais ténis, mas continuava com a sua malinha.
3 Estúpido! ( sorriso e carolo no 2)
link do post Eu e o meu Ego, às 15:39  ver comentários (2) comentar

e l%E1 fomos 22.jpg


- Desceste mesmo a tempo, tinha acabado de parar agora.
- Tudo calculado. (risos)
- Olha, podes tirar essa trampa dos ouvidos, sabias que eu ia estar aqui, mas mesmo assim vens com a merda dos phones nos ouvidos, raios parta, vício de um raio.
- Cala-te, olha vou é mudar de CD, o que é que tens para aqui? (vascular no porta-luvas)
- Sei lá, escolhe, mas qual o teu problema com Bright Eyes?
- Nada, apenas não me apetece ouvir. Olha, e mostra lá o bicharoco novo. (pegar no telefone)
- Sabes que andava indeciso entre o Berry e o Iphone, mas optei por esse. (risos) Sim, já sei que - fiz mal, que tu preferes o outro e que estas muito contentinho, mas que queres?!
- Está bem. Bem, e vamos onde?
- A minha irmã disse-me uns sítios para ver, mas fodasse que agora não me lembro de como é a mala. Faz aí uma pesquisa na net... (olhar de soslaio)
- Oh, porra pá, quer dizer que vamos ao engano?
- Claro que damos com ela.
link do post Eu e o meu Ego, às 14:48  comentar

15.6.10

 

Sou eu, como já referi por aí, que corto o meu próprio cabelo. Mas hoje, um amigo meu, em conversa, disse que tinha de ir cortar o cabelo. E eu pensei, Não deveria fazer isso também de tempos a tempos? Não que me desenrasque mal. No escritório ninguém nota, sinal que a coisa não fica de bradar aos céus. Mas pagar para que me cortem, por vezes não era mal pensado? É que ando sem vontade de agarrar na tesoura. Mas, há sempre um mas, como nunca sei onde ir o mais provável é voltar a recorrer aos meus “dotes”.

 

link do post Eu e o meu Ego, às 23:08  ver comentários (6) comentar


 
Junho 2010
D
S
T
Q
Q
S
S

1
2
3
4
5

6
7
8
9


22
23
24
25
26

27
28
29
30


subscrever feeds
blogs SAPO