I wish I were a Warhol silk screen hanging on the wall. Or little Joe or maybe Lou. I'd love to be them all. All New York's broken hearts and secrets would be mine. I'd put you on a movie reel, and that would be just fine. Ian Curtis
7.6.10
a minha vista.jpg


O despertador faz-me acordar, ecoa no quarto, pela casa, o som cavernoso de Joy Divison "Love will tear us apart". Sorumbático aproximo-me do telemóvel e não tenho nada. Nem uma sms curta e desprendida de qualquer sentido. Nem uma chamada perdida. Nada. Apenas tenho a memória da tua imagem com aquele teu vestido, que sabes que adoro, a entrar no táxi dizendo-me adeus.

Enquanto bebo o meu café e aprecio a rua que ganha vida para mais um dia, recordo-me cada vez mais. Recordo-me quando uma manhã saíste de minha casa com a maquilhagem já meio desfeita, os cabelos compridos desgrenhados cobriam-te a cara onde se rasgava um sorriso. O teu sorriso. E sempre, mas sempre, sinto-te como uma personagem perdida no tempo. Menina rebelde dos 60 no tempo que corre. As cores, os tiques, tu.

Acabo o meu café. A rua está cada vez mais movimentada. Chega a minha altura de sair também.
link do post Eu e o meu Ego, às 10:52  comentar

De melody a 11 de Junho de 2010 às 23:19
fogo. é tão isto.
nós, mulheres, somos lamechas e levamos tudo ao coração. mas quando vocês são práticos e directos, conseguem por tudo cá para fora com a maior das realidades.
e este post, diz tudo.

De Eu e o meu Ego a 11 de Junho de 2010 às 23:33
Hei, obrigado. Sem palavras :)

 
Junho 2010
D
S
T
Q
Q
S
S

1
2
3
4
5

6
7
8
9


22
23
24
25
26

27
28
29
30


blogs SAPO