I wish I were a Warhol silk screen hanging on the wall. Or little Joe or maybe Lou. I'd love to be them all. All New York's broken hearts and secrets would be mine. I'd put you on a movie reel, and that would be just fine. Ian Curtis
15.6.10

 

O dia podia ter sido um pouco menos severo. Só um pouco. Não pedia que não o fosse, somente um pouco menos. Mas não. Decidiu não ser. O que me animou foi o café que já estava prometido para o final do dia.

 

 

Ok, não foi assim tao mau.

 

 

Após alguma indecisão ("mas é esta que ela quer ou não?" "não me lembro pá!" "como não te lembras?!" "sei lá!" "se quiserem alguma ajuda, opinião..." "Não, deixe, obrigado, estamos só a ver se nos recordamos de qual é") é esta que alguém irá receber pelos seus 22 anos.

 

link do post Eu e o meu Ego, às 21:53  ver comentários (3) comentar

telefone.jpg


- Estou, tudo bem? Olha, vou ver o jogo aí perto de ti, no Campo Pequeno, vou com o P. Pode ser que façamos umas amigas novas! (risos trocistas)
- É, pode ser que sim.
- Olha, depois vais comigo ver aquilo para a minha irmã?
- Sim, pode ser, mas queres mesmo ir hoje?
- Sim, porque não?
- Ok. Mas depois podíamos ir ao Bairro Alto Hotel beber um Mojito.
- Ok, eu ligo ao B.. O P., depois do jogo tem de ir fazer não sei o quê, acho que vai ter com aquela amiga, mas depois deve passar por lá.
- Está bem. Olha o e-mail que me enviaste veio de um Berry, já o tens.
- Falamos depois. (risos cúmplices).
- Está, está (rios).
link do post Eu e o meu Ego, às 14:10  ver comentários (2) comentar

nike twead 22.jpg

Aqui me confesso, ténis! Desde puto. Entrar em lojas e o diabo a sete, not my cup of tea. Mas ténis, isso é toda uma outra história.

 

Tinha meia dúzia de anos e o meu pai teve de ir a Nova Iorque em trabalho e trouxe-me uns Reebok Pump lindos, branquinhos. Aquilo é que foi. Sentia-me o maior. Adorava encher e esvaziar os ténis. Claro que sento puto, aquilo só funcionou meia dúzia de dias (se tanto) porque vá de jogar à bola com eles calçados. Agora, ainda que só os possa utilizar no fim-de-semana não me interessa. Se vou de féria a algum lado a minha recordação são uns ténis para mim. Se podem haver cá também? Não me interessa e não quero saber.

 

Agora , onde é que consigo encontrar aqueles ali de cima?

 

To whom it may concern, post escrito ao som de Wherever I May Roam de Metallica.

link do post Eu e o meu Ego, às 10:08  ver comentários (2) comentar

14.6.10

 

Música é uma parte importante da minha vida. Cliché, eu sei. Hoje toda a gente diz isso. Mas é verdade. Acordo ligo o PC para ligar o leitor e ouvir música enquanto me despacho. Saio para a rua e oiço no rádio do carro e depois nos phones do carro até ao trabalho. Chegando ao trabalho  cumprimento toda a gente, vou buscar o meu café e volto aos phones (aqui baixo o volume caso queiram falar comigo ou  caso o telefone toque). Se tenho de ir a qualquer lado, mesmo a pé, os phones vão comigo.

 

A evolução fez-se daquilo ali em cima. Puto, pequenino e irritante, chorei baba e ranho até ter uma aparelhagem. Ela veio aos 12 anos. Alegria, fez-se som. Tudo até chegar aos dias de hoje e ao meu leitor/telemóvel/faz-tudo-e-mais-um-par-de-botas (este já só veio aos 27). Claro que a música agora é uma experiência solitária. Eu oiço a minha música e não incomodo ninguém.

 

Porque isto agora? Bem, estou a actualizar a minha biblioteca. Entradas novas: o novo dos Deftones, o Best Of dos Faith no More e o segundo dos Radiohead.

link do post Eu e o meu Ego, às 23:48  ver comentários (7) comentar

lunch entourage.jpg


1 Até que enfim, estávamos fartos de esperar... (cara de gozo)
2 Nem todos temos a vida que tens! (fingido-se ofendido)
3 Vá, deixa-o em paz, mas esse mal humor é porquê?
2 Marcaram-me uma reunião para as 18h30m. É indecente.
3 Não te queixes vá. Olha, e amanhã, consegues tirar uma horita para vermos o jogo?
2 Achas? Não sou patrão de mim próprio (riso com carolo no 1).
1 Ah, pois é, quando disse para vires comigo...
2 Oh, e eu percebo alguma coisa de sites, web e afins?
3 Bem, deixem lá isso. Vocês vêm comigo hoje ou não?
2 Estás parvo, agora vou andar a experimentar ginásios? Inscreve-te logo num.
3 Não é assim tão simples. Eu quero um bom, com várias coisas. Aquilo será o meu refúgio ao final do dia, descomprimir (sorriso matreiro).
1 Vais ver miúdas, está mais que visto! (risos)
3 Não, nada disso. Ok, também, mas será para descomprimir. Elas têm aquelas cenas todas, eu quero um bom ginásio.
2 Bem, mas e precisas de nós para quê? Para nada. E depois se aceitamos, estas na tarda a pedir para irmos também.
1 Eu também já ando a pensar nisso mais ou menos...
3 Vês? Ele já alinha. Só tu te manténs a tua. As miúdas gostam. (Cara de quem diz a coisa para passar despercebido)
2 Elas sabem lá. Nem querem lá saber. (risos)
3 Vá, já vi que não vens. E tu, vens?
1 Eu vou, as 18h30m passo no teu trabalho?
3 Pode ser, deixo o carro no parque. Olha aquela miúda ali!
2 Oh, não sejas idiota, trabalha comigo.
1 Ena, não sabia que as financeiras eram assim tão giras...
2 É auditora, nossa auditora interna.
3 Ah, está explicado. (risos)
1 Mas olha que tem um estilo dos diabos, aqueles sapatinhos... E trabalha directamente contigo? (risos e toque no 3)
2 Sim, sim, ela é toda coquete e, ao que consta no escritório, tudo original. E, não vás por aí...
3 Olha, por falar nisso, a minha irmã faz anos, sabes o que me pediu? Uma mala do Marc Jacob. A miúda tem 21 anos...
1 Muito bem feitos... (risos)
3 Não te estiques. Viu a mala num qualquer desses blogues de fashion, gostou e quando eu perguntei o que gostava de receber mostrou-me logo qual era.
2 E vais oferecer?
3 Eu não quero... Mas é a minha irmã. (encolher de ombros)
2 Olha, estou de férias daqui a umas semanas. Algum de vocês tem tempo? Barcelona, Madrid, Londres?
1 Nova Iorque, que dizes, eu alinhava.
2 Não pode ser, estou a pensar ir lá na passagem de ano.
3 Fodasse, isso era em grande. Paraíso! Eu alinho já. Sneackers e mais sneackers (risos).
1 Olha, outra coisa, há pouco, por falar em blogues, ainda continuas com o teu?
2 Não!
link do post Eu e o meu Ego, às 14:29  ver comentários (8) comentar

so.png


Telefone toca:

- Então, estás bom?
- Sim, e tu? Conta.
- Vamos tomar café?
- Tu estás parvo, estamos a trabalhar. Eu pelo menos estou...
- Oh, não sejas parvo! Trabalhamos a 5m um do outro, anda lá, no café do costume? Café e cigarro rápido?
- Vá, encontramo-nos lá dentro de 15m, tenho ainda de fazer um telefonema.
_______________,,_________________________________________________

- Então, como isso vai?
- Atarefado, é segunda...
- Sempre muito atarefado... Olha, sabes com quem estive ontem à noite (arranja-me lume)?
- Quem? Ah, já sei, aquela miúda...
- Vá, não é aquela miúda, é A miúda. Acreditas que estive com ela porque me pediu para ir com ela às compras?
- Estas a gozar com a minha cara? Tu foste? Mas tu só estiveste com ela quê? Duas vezes?
- Sim, duas, sem contar com ontem. Mas foi um café e um jantar. E o Jantar foi no Gordinis. E fui eu que ofereci. Ela sabe que estou interessado. E acho que ela também está, tanto que convidar-me para ir às compras é um sinal.
- Bem, e queres que dê a minha opinião sobre o que eu entendo ela ter-te convidado?
- Não. Estou-me a cagar para o que achas nisso, mas é não é?
- Fodasse, és sempre a mesma merda (risos) eu acho que sim, mas o que é que eu sei?
- Tens sempre aquelas teorias da merda...
- ...Que tu agora queres ouvir...
- Fode-te! (sorriso)
- Mas dá-me mais, foste às compras com ela...
- Sim, ela comprou uns sapatos... Bem, ficavam-lhe mesmo bem, realçavam-lhe as pernas. Ah, e comprou um perfume. Ela já cheira sempre bem, e aquele perfume ficava-lhe ainda melhor
- (risos)
- Estúpido, estás a rir-te do quê?
- Queres-me dizer é que estas apanhado pela miúda (arranja-me um cigarro, acabei com os meus, aquele era o último).
- Sim, ok. Estou. Que piada que tem...
- Nenhuma. Vá, desculpa. Olha, mudando de assunto, a V ligou-me...
- Sim, sim, no Domingo há aquela cena em SolTróia, lá da prima. Sabes quem vai não sabes? Aquela moreninha de olhos castanhinhos (risos)
- Hahaha Tens cá uma piada. Sabes que ela quando soube o que fazia disse "ah, isso é tão cinzento! Pensei que os juristas eram sempre mais velhos, não para miúdos de 28 anos.."
- Oh, a bacana estava gozar... Bem, mas não te esqueças que vais comigo para lá.
- Tá, tá. Tenho de voltar.
- Ok, falamos melhor mais logo. Almoçamos?
- Eu ligo-te...
- Lá vou eu almoçar a meio da tarde...
link do post Eu e o meu Ego, às 11:37  comentar

 

A acompanha-la um belo copo de vinho tinto.

 

Novo dia amanhã, nova semana.

link do post Eu e o meu Ego, às 00:10  comentar

13.6.10

 

 

Difícil....

link do post Eu e o meu Ego, às 22:24  comentar

 

Porque é domingo ao final da tarde, porque, apesar de nunca ter sido dado a atracções platónicas, esta senhora tem um je ne sais quoi bem difícil de explicar – bem, acho que a expressão existe mesmo para evitar tentativas frouxas de explicação para o impossível de explicar.

 

Porque a sensualidade não é uma coisa que se queira ter. Tem-se. E esta senhora tem-na. E porque sensualidade é um dos melhores elementos subjectivos que podemos encontrar. Prende-nos, sentimo-la.

 

Porque esta senhora é linda e, bem, sou gajo e esta fotografia provoca-me arrepios.

 

 

To whom it may concern, este post foi escrito ao som de Tragedy Bound dos The Bravery.

link do post Eu e o meu Ego, às 18:42  ver comentários (6) comentar

link do post Eu e o meu Ego, às 13:35  comentar

 

 

Melhor, melhor, é saber que está um filme prometido no final da sétima série que se inicia já no próximo dia 27 deste mês!!!

link do post Eu e o meu Ego, às 13:10  ver comentários (2) comentar

 

Sou um fan do caneco de SMS. São rápidas, fáceis de enviar e, muitas vezes, úteis. Mas não acham que estão sobrevalorizadas? Está bem que com uma SMS podemos dizer aquilo que nos falta os tomates para dizer. Assim, a frio. E lá fazemos uso das SMS.

 

Mas, então e o telefonema. Ouvir a voz do outro lado. Sem tempo para pensar nas respostas, na forma de escrever, responder na hora.  Vamos embora começar a ligar, sim?

 

link do post Eu e o meu Ego, às 11:40  ver comentários (2) comentar

12.6.10

 

Quando me ligaste para almoçar foi impossível dizer que não. Combinamos no mesmo sítio de sempre e eu esperaria no mesmo lugar de sempre.

 

Enquanto acendia mais um cigarro, a espera dá cabo de mim, tentava imaginar-te. Chegarias perfeita na tua imperfeição cuidadosamente preparada. Estava certo disso.

 

Não me enganei. Atrasada chegaste, ou não serias tu. Corrias para mim, mala numa mão e o telemóvel noutra a tentar mostrar-me que irias ligar a dizer do teu atraso. Tão teu esses pequenos detalhes. O Cabelo caia-te para a cara. Nunca os tens perfeitos. Sabes disso, gostas disso. Eu também.

 

Esperei que chegasses até ao pé de mim. Inspirei o teu perfume. Agora sim, chegaste até mim.

link do post Eu e o meu Ego, às 14:33  ver comentários (2) comentar

 

Mas enquanto estudo isto tem estato em repeat over and over again.

 

link do post Eu e o meu Ego, às 14:25  comentar

link do post Eu e o meu Ego, às 01:19  comentar

11.6.10

 

 

link do post Eu e o meu Ego, às 23:41  comentar

 

Enquanto durar os exames não me permite excessos.

 

hahah, minto, há ai uns quantos à porta. Festas programadas.

link do post Eu e o meu Ego, às 23:38  comentar

 

Quando era puto, como raio havia de juntar dinheiro?

link do post Eu e o meu Ego, às 23:34  ver comentários (1) comentar

piven_l.jpg


Há umas quantas coisas que o FaceBook tem de desagradável. Uma delas é ter que levar com a carantonha das pessoas sempre que elas mudam a foto do perfil.
É vê-las fazerem as mais diversas poses e mais algumas. E depois, bem, há algumas que são feiinhas que dói.
link do post Eu e o meu Ego, às 11:03  comentar

nike low.jpg


As senhoras têm os seus sapatos. Nós temos os ténis .
link do post Eu e o meu Ego, às 10:30  comentar


 
Junho 2010
D
S
T
Q
Q
S
S

1
2
3
4
5

6
7
8
9


22
23
24
25
26

27
28
29
30


subscrever feeds
blogs SAPO