I wish I were a Warhol silk screen hanging on the wall. Or little Joe or maybe Lou. I'd love to be them all. All New York's broken hearts and secrets would be mine. I'd put you on a movie reel, and that would be just fine. Ian Curtis
1.10.08
Imperdível! É favor visitar a página:


http://www.thecleverest.com/countdown.swf






link do post Eu e o meu Ego, às 21:35  comentar

link do post Eu e o meu Ego, às 16:59  comentar

Computadores e seus programas definitivamente não são para mim. Ando Já há uns dias de roda deste local, vulgo blog, para colocar imagens e outras coisas que tal, coisas como uns links para no fundo tornar a coisa mais engraçada. Mas não.

Pronto era isto. Obrigado e boa tarde
link do post Eu e o meu Ego, às 15:11  comentar


Momento introspectivo do dia.

A hora de almoço, se é que tenho disso, praticamente passou mas, e comer? Nada! Uma sandes empurrada pela garganta abaixo enquanto bebia um sumo discretamente “roubado”.

Música, alguma para me distrair do barulho de fundo e concentrar-me no que fazia e escrevia a 1000 à hora. Uma dessas músicas, passou no rádio que os CD que criteriosamente trago na pen para poder ouvir não me criaram excitação, foi o hang up da Madona. A pergunta: não acham que ela canta à sopinha de massa quando diz o “so slowly?

Pelo meio recebi um telefone de um amigo cujo tema era saber o que eu acho relativamente a uma amiga que perguntou se ele queria ir beber café à tarde. A minha perplexidade prendeu-se porque raio precisava ele de saber a minha modesta opinião. Ok, a conversa foi mais ou menos a seguinte:

- Mas porque carga de água me ligas para perguntar isso?!?!?

- Eu acho que ela se anda a fazer a mim…

- Então?!? Não vejo então qual é o problema… Realmente já davas umas voltas com alguém, não?

- Oh, mas ela é muito gira e boa…

- Vai à merda! Então vai ao café. Mas espera, ela está-se mesmo a fazer a ti? Não estás para aí a delirar? Não estás a ver coisas onde elas não existem? Só naquela, para não fazeres figura de otário.

- Oh fodasse, não me deixas terminar. E sim, ela faz-se a mim, um gajo nota ou não? Não são só elas que percebem isso. Estava a dizer-te, ela é muito boa, mas só diz merda quando abre a boca…

- Estás parvo?? Mas queres encontrar alguma pessoa que vá ao café e discuta Nietzsche? Olha, tenho merdas para fazer, vou desligar.

Outra coisa que me inquietou, mas como tem esta gente tempo à tarde? Há vidas com sorte.

Nota mental, ir comprar um cartão de despedida para a colega que está de saída do escritório. Acho que é um gesto bonito e simpático.

Ah, fim da hora de almoço. Posso respirar de alívio. Enquanto outros retomam eu finalmente vou poder beber o meu café.

Obrigado e boa tarde
link do post Eu e o meu Ego, às 15:10  comentar

Decisões. Do mais horrível que há. Pareço uma putinha indecisa, mas não me venham com merdas que ninguém gosta de tomar a puta das decisões.

Sim, estou chateado. Ainda não deu para ver? Secalhar não.

Mas uma coisa interessante e engraçada, ou talvez não, é quando reparamos em uma quantidade enorme de pequenos pormenores desagradáveis exctamente porque temos de tomar uma decisão. Uma parafernália de coisinhas que de repente nos fazem cócegas, não sei.

Críptico, eu? Nãoooo
link do post Eu e o meu Ego, às 12:40  comentar

link do post Eu e o meu Ego, às 12:36  ver comentários (1) comentar

 
Outubro 2008
D
S
T
Q
Q
S
S

1
2
3
4

5
6
7
8
9

13
15
16

21
22
23
24
25

26
27
28
29
30


subscrever feeds
blogs SAPO