I wish I were a Warhol silk screen hanging on the wall. Or little Joe or maybe Lou. I'd love to be them all. All New York's broken hearts and secrets would be mine. I'd put you on a movie reel, and that would be just fine. Ian Curtis
13.4.10
Parece que a minha última tentativa de postar com imagens foi um fracasso total. Raios parta.

Outra coisa que parece que estou a ter um azar dos diabos, ou apenas uma tremenda falta de sorte, é em conseguir tornar o blog mais aprazível. É que isto de estar todo em branco parece assim uma casa acabadinha de caiar, em género de estar em construção ou algo que o parta. Os trabalhos continuarão - até me fartar e desistir simplesmente.
link do post Eu e o meu Ego, às 13:48  comentar

Uma das coisas boas do blog estar alojado no sapo é a possibilidade de os posts seguirem via e-mail. O que é bastante prático e funcional. Não há, pelo menos para mim, qualquer dúvida nisso. Certo que não consigo fazer seguir imagens a acompanhar o post. Ou então não, sou apenas eu que sou aselha. Posto isto, vou fazer uma experiência e ver se consigo postar com imagem. Abram alas:

link do post Eu e o meu Ego, às 13:43  ver comentários (2) comentar

Não sou nenhum fashion expert. Mais, não pretendo. Mais que não seja porque depois cometo daqueles erros - no entender dos verdadeiros experts - que se o fosse não teriam desculpa. Assim sendo posso andar livremente pelos passeios desta vida misturando alegremente riscas com quadrados - meramente figurativo e metafórico. Não obstante o intróito, reconheço para mim algum gosto ou coerência na coisa, ou arte de vestir. E porque mais que achemos que cada um deve ter a sua individualidade, concordo perfeitamente, e não ceder aos ditames da moda e da perfeição, concordo de igual modo, há que fazer algumas cedências neste capítulo. Quem não concorde simplesmente condene a sociedade e a nossa (des)evolução.

Bem, tudo isto para dizer que hoje ao chegar ao meu local de trabalho, como é rotineiro decidi entrar no café mais próximo para cigarro e café. E ao meu lado, saboreando também o seu café e o seu cigarro estava uma moçoila, jovem e simpática, que ao que tudo indicava tinha dedicado algum tempo na escolha da sua toilette. Acontece que o conjunto ficou a chamar para o brejeiro. Ora, argolas de plástico brancas com corrente ao pescoço douradas e unhas pintadas de azul bebé, conjugado com uma blusa branca, calças de ganga normais e tudo rematado com uns ténis pretos e mala preta.

Bem, sei que gostos não se discutem, mas eu ainda vou tendo olhos na cara e opinião. Lamentamos.
link do post Eu e o meu Ego, às 09:36  comentar

 
Abril 2010
D
S
T
Q
Q
S
S

1
2
3

4
5
6
7
8
9
10

17

20
21
24

25
27
28
30


subscrever feeds
blogs SAPO